16 de mar de 2010

Cansei de ser sozinho... - Plutão em Capricórnio, Saturno em Libra


Plutão em trânsito em Capricórnio está ocupado em demolir as nossas estruturas. Capricórnio está relacionado com figuras de autoridade, e durante este processo, podemos nos deparar com a perda ou o distanciamento daqueles que costumavam nos orientar.

Talvez aquela pessoa com a qual você contava para receber orientação tenha se revelado não tão confiável e madura quanto você imaginava, e tenha havido um rompimento definitivo. Talvez o seu professor, ou seu pai, ou seu chefe, não esteja tão acessível, devido a problemas pessoais ou de trabalho. Talvez aquele amigo mais velho, que sempre tinha uma palavra sábia a oferecer, esteja sobrecarregado. Se você exercita a sua mediunidade, talvez seus guias tenham mencionado que a comunicação tem sido difícil, ou que há a necessidade de um afastamento temporário.

Se você acompanha este blog, talvez tenha notado um espaçamento maior entre os posts. Hoje, decidida a escrever, percebi como o padrão acima tem se manifestado com freqüência ao meu redor. E como o ritmo das postagens está entrelaçado com tudo isso.

É como se a vida, de várias formas diferentes, estivesse nos cobrando uma maior maturidade. Saturno em Libra nos pede para agir de forma adulta nos relacionamentos. Para compreender que não devemos só esperar passivamente pela satisfação de nossas necessidades, como crianças. Que um relacionamento implica em troca, divisão de tarefas e responsabilidades, reconhecimento da fragilidade e limitações do outro, igualdade de direitos e deveres.

Para aqueles que não conseguem assimilar esta lição, Saturno traz a limitação nos relacionamentos, a sensação de isolamento, de solidão. Porque talvez, ficando sozinhos, aprendamos a dar valor ao outro. Talvez, ao nos sentirmos isolados, paremos para pensar como podemos nos relacionar melhor.

Plutão em Capricórnio quer que examinemos as falhas em nossas fundações. Onde estão os pontos fracos de nossas estruturas? Como podemos saná-los? Temos a competência necessária para isso? Vale a pena o esforço?

Se você vem sentindo um isolamento maior, principalmente no que se refere à espiritualidade, não se coloque na posição de vítima. Procure utilizar este período para refletir.

No desenvolvimento infantil, chega um momento em que a criança precisa aprender a andar por si mesma. Este é um marco emocionante e importantíssimo. E o gesto da mãe, de se afastar e permitir que a criança arrisque os primeiros passos (e as primeiras quedas) é um profundo gesto de amor.

Título: referência à canção Andança, de Edmundo Souto, Danilo Caymmi e Paulinho Tapajós.
--------------
Você quer fazer seu mapa astral? Preencha e envie o formulário "Fale com Mara", no alto da coluna à direita, solicitando maiores informações.

2 comentários:

Laura disse...

Oi...

É... confesso que pra mim tem sido bem assim, no tocante ao espiritual...

Atravesso no momento uma certa "crise espiritual", não necessariamente com meus Guias, mas sim coisas mais terrenas, tipo "como", "quando", "aonde" e "com quem"... todas essas estruturas vm sendo questionadas e analisadas por mim, e por vezes o sentimento de isolamento também bate forte...

Mas, tenho consciência, em grande parte devido a este blog, de que algo há pra ser aprendido e melhorado com tudo isso!

Muito bonito e profundo o texto... Saravá!

Mara disse...

Laura, o momento atual pede justamente isso, questionamento e reflexão... não é fácil, mas ainda é uma opção bem melhor do que sair por aí às cegas, agindo de forma automática e inconsciente... Obrigada pela força! ;o)