29 de abr de 2009

Abre a porta e a janela, e vem ver o sol nascer...


O Sol, Mercúrio e Vênus formam uma pequena "caravana" viajando pelo zodíaco, nunca se distanciando muito uns dos outros. Como seu ciclo dura apenas cerca de um ano, normalmente não sentimos um maior impacto com seu trânsito, pois estamos desconectados dos ciclos da natureza. Conseqüentemente, não adaptamos nossas atitudes ao nosso chamado interior, o que vai gerar problemas mais tarde, ao lidarmos com os trânsitos dos planetas mais lentos.

O signo e a casa onde o Sol transita são "iluminados", e seus assuntos são trazidos à atenção. Mercúrio em trânsito tende a focar seus pensamentos na área em questão, e Vênus traz uma maior apreciação por estes temas. O fato de você ter outros planetas natais ou ângulos nestes signos reforça estes trânsitos, e os nascidos com Sol, Lua ou Ascendente em Leão, Gêmeos, Virgem, Touro ou Libra são mais suscetíveis a eles.

O conhecimento de seu mapa natal pode auxiliar no planejamento de seu ano, verificando as épocas mais adequadas para se dedicar a determinados assuntos (devido à concentração de energias naquela área). Por exemplo, neste momento estes planetas estão focados nas casas ocupadas pelos signos de Áries e Touro no seu mapa natal.

Áries nos pede iniciativa, novos começos, e Touro nos remete à manutenção do que foi iniciado, ao desenvolvimento de raízes.

Se você prestar atenção neste chamado agora, conseguirá aos poucos se colocar em harmonia com um todo muito maior, e atravessar o ano com mais consciência e sem precisar nadar contra a corrente... E então, vai encarar?


Título: referência à canção Preta, pretinha, de Galvão e Moraes Moreira.
------------------
Você quer fazer seu mapa astral? Preencha e envie o formulário "Fale com Mara", no alto da coluna à direita, solicitando maiores informações.

2 comentários:

Carol disse...

Olá!

Apesar da gigante teimosia que me acompanha e, que me faz aguentar as coisas como estão, mesmo que não seja o caso, mesmo que não me leve a lugar algum, sinto que nesse ano iniciei alguns novos projetos. Acho que de alguma maneira captei o espírito ariano...

Esse momento nos indica que as energias estão trabalhando no sentido de iniciar, de começar, certo? E quem resiste a essas energias? E que não encara?

Não sei se é este o raciocinio, mas esse inicio vai ter que ser trabalhado com outras energias depois, não? E se não tiver inicio nenhum? É nesse momento que vem aquele sentimento de estar perdido?

Mara disse...

Oi, Carol, é isso mesmo. Estas energias vão se desenvolver ao longo do ano, num processo muito bonito. As pessoas estão desconectadas do ritmo da natureza, conseqüentemente, muitas vezes não ouvem o chamado interior. Quem não atende a este chamado, no começo sente uma frustração e impaciência (Áries) indefinidas, que leva à sensação de estar "empacado" (Touro) e continua progredindo, de forma negativa, através dos signos... Por isso a maioria das pessoas, quando chega o final do ano, não agüenta mais... E esta negatividade acumulada também dificulta uma maior conscientização dos trânsitos dos planetas mais lentos, o que acaba gerando experiências mais difíceis... É uma bola de neve!