15/06/2009

Dando água a quem tem sede, dando pão a quem tem fome... - Netuno


Quando nossos corações estão cada vez mais abertos, como sobreviver numa sociedade como a nossa?

Alguns de nós estão sintonizados com as energias de Netuno, sentindo a abertura e expansão de nossos chacras cardíacos.

As lições que temos assimilado através de milênios na Terra estão assomando à nossa consciência, e sentimos uma grande pressão interna para mudar as coisas, para contribuir de alguma forma para uma sociedade mais justa e humana.

O sofrimento ao nosso redor nos perturba profundamente, e já não é mais possível deixar de percebê-lo.

Com a imensidão de problemas que nos cerca, há também uma grande variedade de opções para quem quer ajudar. Se você está disposto a dedicar algumas horas de seu tempo, o primeiro passo é ouvir seu coração.

Para onde você se sente chamado? Que área toca suas emoções mais intensamente? Crianças? Idosos? Deficientes? Doentes terminais? Indigentes? Animais? Natureza? Procure acalmar seus pensamentos e visualizar qual esfera de ação (há muitas outras, além das citadas) é mais condizente com sua personalidade. Se ainda assim não for possível encontrar uma resposta, peça antes de dormir para ser orientado em sonhos.

Identificada a área de atuação, informe-se sobre as oportunidades de ajuda disponíveis. Há várias organizações, governamentais ou não, onde você pode oferecer seus serviços.

A ajuda que você gostaria de fornecer ainda não existe? Então, como você pode criá-la? Quem poderia participar com você deste projeto? Quais os primeiros passos a dar?

Há muito trabalho a ser feito, e com Urano em Peixes, há muitas idéias inovadoras sendo colocadas em prática. Afinal, o tempo que você gasta diante da televisão é tão importante assim?
------------------
Para aqueles que vivem uma situação pessoal e familiar que absolutamente não permite que se dediquem a uma causa: alguns de nós estão aqui como catalisadores para o despertar das consciências. Se este é o seu caso, aprenda a ter compaixão antes de tudo para com você mesmo, compreendendo e aceitando suas limitações. Pratique suas visualizações ou orações diariamente, e fique atento às energias que você troca com as pessoas no seu dia a dia. Você está contribuindo mais do que imagina.
------------------
Título: referência à canção Bandeira do divino, de Ivan Lins e Vitor Martins.


------------------
Você quer fazer seu mapa astral? Preencha e envie o formulário "Fale com Mara", no alto da coluna à direita, solicitando maiores informações.

4 comentários:

Laura disse...

Bah, um palhaço trsite, um triste palhaço... Adorei a foto, com sempre, "casa" certinho com o texto.

Mara disse...

Laura, esta foto é de uma beleza excepcional! A parceria com Marli é muito produtiva, as fotos me fazem pensar, e estimulam o fluir da narrativa. Cada foto, por si só, já conta uma história...

Marília disse...

Adorei o texto, tive que pensar muito e muito e muito sobre tudo que está escrito. Agora é preciso primeiro acalmar os pensamentos e depois agir. Beijos...

Mara disse...

Marília, que bom que você se identificou com o texto. O processo é este mesmo, primeiro você toma consciência, depois acalma os pensamentos e ouve o seu coração... Quando a ação parte do coração, e a mente está alerta e desperta, não tem como errar.