24 de jun de 2009

Deus, por favor, apareça... - casa 9


Há momentos em que nossos caminhos se complicam tanto, que precisamos de uma bússola para reencontrar nosso rumo.

Com a facilidade dos meios de comunicação atuais, temos acesso a uma miríade de informações conflitantes. Novas filosofias e caminhos alternativos surgem todos os dias, e os profetas do final dos tempos encontram um terreno fértil para semear o medo e a separatividade entre as pessoas.

Nunca foi tão importante falar de amor, e nunca esta palavra foi tão pouco compreendida. Amor não é uma coisa que você possa encontrar fora de si mesmo. Mas é uma semente que você pode despertar no outro.

Todos nós temos uma semente de luz em nossos corações, não importa o quão perdidos possamos estar. E é esta semente que devemos proteger e permitir germinar.

À medida que permitimos que o amor dentro de nós cresça e se expanda, nossos corações se tranqüilizam. A tomada de decisões se torna mais simples quando ouvimos nossa voz interior. Esta é nossa bússola. Ela não grita mais alto que as manchetes, ela sussurra no interior de nossas almas.

Deus não está fora de você. Ele não se encontra nos altares, nos livros, nos lugares santos, nos rituais. Ele aguarda, no silêncio de seu coração, que você finalmente se canse de correr atrás de ilusões. Aquiete-se, e simplesmente ouça.

E quando você finalmente conseguir contatar esta luz, perceberá o impulso irreprimível para sua expansão. A luz não pode ser contida. Iluminar é a essência de sua finalidade.

Portanto, deixe-me alertá-lo. Quando você encontrar sua bússola interior, estará embarcando num caminho sem volta. Porque o destino irrevogável de cada bússola é se tornar um farol.
-------------
A casa 9 no mapa descreve sua filosofia de vida, e por extensão, sua religiosidade, seus estudos superiores. Como vai seu relacionamento com Deus?

Título: referência à canção Deus (apareça na televisão), de George Israel, Sérgio Dias e Paula Toller.
----------------
Você quer fazer seu mapa astral? Preencha e envie o formulário "Fale com Mara", no alto da coluna à direita, solicitando maiores informações.

7 comentários:

Carol disse...

Oi Mara,

É muito interessante ir desenvolvendo esses conhecimentos em astrologia, até pouco tempo eu me interessava simplesmente pelo sol, ascendente e lua. Enxergava tudo de um modo separado, tentando achar algum culpado disso ou daquilo...

Eu tenho Áries na casa 9, e mesmo depois de ter pesquisado sobre esse signo, não consigo te dizer nada.

A relação que tenho com Deus é mais ou menos assim: as vezes eu
"emburro" com ele.

Tenho fé, muita fé... mas emburro de vez enquando.

É o pouco que consigo perceber.

Mara disse...

Oi, Carol. É fascinante como a nossa visão muda à medida que vamos aprendendo a linguagem astrológica! Aos poucos, vamos assumindo a responsabilidade por nossas atitudes, e paramos de culpar os outros (e nós mesmos). Começamos a trabalhar para vencer nossos obstáculos. E a vida fica bem mais interessante! Áries é a criança do zodíaco, por isso faz sentido você "emburrar"... Dê uma olhada no post http://senhoradoscaminhos.blogspot.com/2009/04/nada-temer-senao-o-correr-da-luta.html

Carol disse...

Nossa!!!
Em relação a filosofias de vida, é duro admitir... mas foi um choque quando eu descobri que as pessoas não pensam do mesmo modo que eu, e que eu não pensava do mesmo modo que as pessoas. Achava que todo mundo era igual e que seguia o mesmo ritmo...

Mara disse...

Carol, é exatamente assim que funciona Áries! É difícil entender que os outros são diferentes, mas quando ele assimila a idéia, não esquece mais... E tem também o lado da coragem, de lutar por aquilo que acha certo, o idealismo, o pioneirismo... A fé de Áries é pura e inocente como a da criança, mesmo que ele "emburre" de vez em quando, rsrs.

Carol disse...

Legal! Obrigada!!!

Laura disse...

Eu tenho minha Lua (Capricórnio) e Netuno na casa 09... Isso acaba fazendo com que minha segurança emocional venha de meu lado espiritual, da minha fé... Isso?

De maneira que, acho eu, se eu entro em crise com a fé e a espiritualidade, é pq algo de muito sério ocorre por dentro... E tudo o mais fica abalado também...

Por isso, procuro manter minha "relação com Deus" sempre saudável... ;o)

Mara disse...

Laura, é isso mesmo. É importante que você tenha uma filosofia de vida bem sólida (Capricórnio), que possa ser o seu suporte durante as dificuldades.